• Banner interno

 

 

 

O que é o amor?

 

Amor é cuidado. Inspira proteção e afeto!

 

E, quando o sentimento se perde, quebra todas as estruturas que o sustentam. O que fazer?  

Lar, família, é lugar de crescimento, desenvolvimento, relacionamento. Cada gesto é observado e sentido.

 

Estar atento, cuidar e zelar pela paz. O cuidado no falar e agir. Cuidado no demonstrar afetos.

A missão dos pais é grande, é frágil e é sensível. 

Cuidado! Atenção! Os filhos observam e aprendem mais com os gestos do que com palavras.

 

O filho do divórcio é um vídeo emocionante sobre um menino que envia uma carta aos pais separados dizendo como se sente e como o divórcio complicou a vida dele. Conta como as mudanças, muitas vezes bruscas, marcam. Pede para repensar as escolhas, meios e caminhos - minimizar as dores.

 

É preciso Humanizar as relações dos afetos que se findam.

Preservar os tesouros que não são bens materiais, acima de tudo, são vidas.

E ao lidar com vidas todo cuidado é essencial.

 

Para aprofundar os sentidos:

 

"A arte de viver é simplesmente a arte de conviver ... simplesmente, disse eu?

Mas como é difícil!"

(Mario Quintana)

 

Obs: Ótimo vídeo para ser utilizado numa conversa e reflexão com pais. Também pode ser utilizado em encontros com crianças, adolescentes e jovens e gerar uma boa conversa.

 

Marcelle Durães

Equipe do Catequese Hoje