• Banner interno

 

 Abertura:

D: Vem, ó Deus. Vem caminhar com teu povo, pois tu somente és nossa força.

Todos: E, em ti, nós colocamos a nossa confiança.

D: Vem, ó Deus. Vem caminhar atrás de nós, ao nosso lado, à nossa frente; pois tu somente és nossa proteção, companhia e direção.

Todos: E, em ti, nós colocamos a nossa confiança.

D: Vem, ó Deus. Ajuda-nos a louvar-te através desse encontro. Ilumina a nossa vida e a nossa Arquidiocese.

Todos: E, em ti, nós colocamos a nossa confiança.

 

D.: Senhor, queremos celebrar o nosso louvor e agradecimento pela tua presença no meio de nós e dizer a nossa alegria por este encontro.

 

Todos: Bendito seja Deus Pai que nos amou primeiro e marcou a vida de cada um e de cada uma com sinais de ternura; bendito seja o Filho que morreu e ressuscitou por nós, para que pudéssemos participar de sua vida plena; bendito seja o Espírito Santo, Amor que vive em nossos corações, presente gratuito do amor do Pai e do Filho.

 

Uma estória para refletir:

É bem conhecida a parábola da flauta mágica. Em resumo ela narra a aventura do caçador que domava as feras com ajuda de uma flauta mágica, para abatê-las, sem problemas. A flauta possuía a propriedade de emitir melodias que enfeitiçavam as feras, fazendo-a bailar diante do predador, morrendo, sem oferecer resistência. Certa vez, porém, um leão não obedeceu a música e devorou o caçador enquanto tocava desesperadamente a sua flauta. O leão era surdo. Diante dele a flauta perdeu a sua serventia.

A parábola da flauta mágica tem algo a dizer. Com este encontro queremos “repensar” a Catequese que fazemos. Não se pode pretender abrir perspectivas de futuro, buscar novas respostas aos novos desafios se as pessoas já não entendem o som das “nossas flautas” e pedem uma nova música, ou seja, outra linguagem e outra sensibilidade aos novos sinais.

O leão era surdo. É preciso perguntar se a mensagem que estamos transmitindo é captada e assimilada pelas pessoas, dentro e fora da comunidade. É preciso ter coragem de quebrar a flauta mágica, de renunciar as receitas prontas, vazias e sem sentido, admitindo que nada é definitivo para quem peregrina no tempo.

            (pausa para partilha dois a dois)

Atualização CatequéticaAtualização Catequética

Preces:

D.: Peçamos a Deus que caminhe conosco e nos ajude a transformar a Catequese que fazemos.

1-Em tuas mãos, Senhor, entregamos o peso e o calor da caminhada como Igreja, nossos encontros de catequese, nossas atividades pastorais e nossas alegrias.

Todos: Santifica teu povo, Senhor!

2-Sustenta e anima, ó Deus da Vida, nossos passos no caminho do amadurecimento da fé.

Todos: Santifica teu povo, Senhor!

3-Ilumina nossas reflexões e conflitos na busca por uma boa formação de catequistas.

Todos: Santifica teu povo, Senhor!

4-Que este Encontro faça brotar em nós, Senhor, força e ânimo para a vida e fortaleça o amor pela Catequese e pela Tua Igreja.

Todos: Santifica teu povo, Senhor!

 

Pai Nosso...

 

Todos:  Senhor Jesus, aqui estamos mais uma vez para dizer com sinceridade o desejo de sermos semeadores do teu Reino. Que o Espírito Santo que colocaste em nosso coração e mantém viva a tua presença em nós, oriente os passos que devemos dar, para que, fortalecidos com tua graça, possamos ser sinal de Comunhão. Amém.


Equipe do Catequese Hoje

15.04.2013