meninuju.jpg

1. Acolhida e Abraço da paz!

2. Experiência: andar dois a dois, um de olhos fechados, sendo conduzido pelo outro.

3. Proclamação da Palavra – Mc 8,22-26

Jesus estende a sua mão e o leva para fora da cidade... Nós só saímos da “aldeia” porque Ele tem a sua mão agarrada à nossa. A transformação só acontece quando aceitamos a deslocação do nosso ponto de vista habitual para um lugar novo, que é uma relação, uma companhia...

Não se pode querer ver a cada passo, o fundamental é a confiança. Aceitar a vida com tudo o que ela tem, na confiança de que Ele pode transformar-nos...

Partilha...

4. Rezemos:

Faz-nos trilhar, Senhor, a estrada da confiança. Dá-nos um coração capaz de amar serenamente aquilo que somos ou que não somos. Ensina-nos a devolver a todos os teus filhos e a todas as criaturas a extraordinária Bondade com que nos amas. Ensina-nos que é possível olhar a noite não para dizer que pesa em todo lugar o escuro, mas que a qualquer momento uma Luz se levantará.

Dá-nos ousadia de criar e recriar continuamente, mesmo partindo daquilo que não é ideal, nem perfeito. E quando nos sentirmos mais frágeis ou sobrecarregados recebamos, com igual confiança, a nossa vida como Dom e cada dia como um dia Teu.

(in: Livro “Um Deus que dança” do Pe. José Tolentino Mendonça)